24 de mai de 2010

Meu próprio negócio: investimento inicial (parte 1)

+A -A +/-
Escolher entre diversas alternativas de investimento não é uma tarefa fácil. A decisão de investimento requer dos gestores financeiros, até dos mais experientes, grande capacidade analítica. Se para eles essa tarefa é um tanto complexa, imagine para aqueles empreendedores que almejam abrir seu próprio negócio e dispõe de pouco ou nenhum conhecimento do assunto? Após tanto esforço para conseguir juntar determinado capital capaz de tornar real o sonho de ser um empreendedor de sucesso, surge a pergunta que o quer calar: onde investir?

Referindo-se a disponibilidade de caixa inicial, existem três tipos de empreendedores: os que dispõem de todo o capital necessário à abertura do negócio, os que dispõe de parte do capital e aqueles que dispõe de nenhum capital. Tomaremos por base o segundo tipo – o empreendedor que não dispõe de todo o capital para os investimentos iniciais.

Para demonstrar as opções de investimentos que ele possui, utilizarei, de uma forma sintética, o Balanço Patrimonial a fim de termos uma visão mais clara do “problema”. Veja a figura abaixo.
Onde quer que o empreendedor aplique seu capital inicial, ele estará representado em uma dessas contas do ativo – Circulante, Realizável à Longo Prazo ou Permanente. Para entendermos melhor, o ativo Circulante (caixa, estoque, direitos de curto prazo) compreende as contas de maior liquidez, ou seja, maior grau de conversibilidade em dinheiro (esta merece atenção especial).

As contas do ativo Realizável à Longo Prazo, segundo os conceitos contábeis, são os direitos que se realizam no longo prazo (claro! rss); eles excedem o período do exercício vigente. Observação: duplicatas a receber no longo prazo e empresa recém nascida não combinam, descartaremos, portanto, essa alternativa.

Quanto a conta Imobilizado, é importante dar uma atenção especial a ela. Com base nessas duas contas – Circulante e Imobilizado, estaremos descrevendo, na parte 2, as opções mais recomentadas para o destino do capital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia também...